motivação em projetos longos

A motivação é inconstante. Para a maioria das pessoas, o desejo de fazer alguma coisa – qualquer que seja – pode ganhar vida do nada e desaparecer completamente como a mesma rapidez. Este é um grande problema quando o assunto é motivação em projetos longos.

Esteja você gerenciando um projeto gigantesco de TI cuja conclusão total esteja prevista para daqui a dois anos ou trabalhando em um que foi atrasado devido ao aumento do escopo, permanecer motivado é um desafio natural. Como em qualquer evento de longo processo, você precisa se controlar e encontrar maneiras criativas de se manter engajado e ter um desempenho de alto nível.

A boa notícia é que existem algumas dicas que podem ajudar a manter a motivação em projetos longos, mas esteja ciente de que não existem atalhos, afinal, se a motivação fosse fácil de cultivar, ninguém teria problemas com isso! 

Então, aqui estão 6 dicas para se manter motivado nesse projeto que parece estar longe do fim.

6 dicas para manter a motivação em projetos longos

Manter a motivação durante um projeto de várias etapas e que parece interminável é, sem dúvidas, um grande desafio. Eu mesma já passei por isso algumas vezes, entrando em projetos enormes, com diversas pessoas envolvidas e com datas de conclusão alteradas a todo instante. 

Mas, nesses projetos intermináveis, as dicas abaixo me ajudaram e creio que possam ajudar você também!

Vamos conhecê-las:

1- Crie um cronograma

Independe de qual for o seu projeto ou se você está nessa sozinho ou não,  estabeleça uma programação diária para si mesmo e faça questão de segui-la. 

Para isso você pode usar o Trello, ou qualquer outra ferramente a base de Kanban que possa ajudar a sua organização e visualização do cronograma. 

Se você seguir sua programação, permanecer produtivo se tornará mais natural com o tempo. Por exemplo, se você está trabalhando na implantação de um novo sistema de gestão de processos, você pode criar um cronograma como:

– Traçar diagnóstico inicial (talvez por meio do mapeamento AS IS)

– Depois definir o que queremos no futuro (com o mapeamento TO Be)

– Minerar o mercado em busca de uma ferramenta ideal para atender as necessidades do projeto 

– Com a plataforma escolhida, iniciar uma campanha de engajamento de stakeholders

Assim, a cada dia que uma meta for concluída, você se sentirá motivado com a sensação de que cumpriu algo durante o seu dia. Afinal, um dos grandes problemas em encontrar a motivação em projetos longos é não ter a sensação de concluir nada.

 

2- Use um temporizador 

A Técnica Pomodoro é uma estratégia de gerenciamento de tempo útil que divide as longas sessões de trabalho em seções de 25 minutos, ou menos, com pequenos intervalos entre elas. 

Você pode acompanhar esses intervalos com um cronômetro Pomodoro online, ou outro sistema que ajude a gerenciar o seu tempo menciono outras dicas sobre isso neste artigo aqui: 10 aplicativos de gerenciamento de tempo para ajudar na produtividade!

Acredite ou não, esse método funciona e muito, porque fazer pausas frequentes pode melhorar a agilidade mental, especialmente se você estiver sentado na frente de um computador por muitas horas. Isso porque, é natural que nossa mente comece a se desgastar quando passamos muito tempo fazendo a mesma coisa. Nossas vistas cansam, nossa mente se perde e, quando você menos esperar, estará totalmente desmotivado e sem perspectiva de que irá concluir algo. 

 Dessa forma, ao fazer pequenos intervalos, muitas vezes permite que você permaneça ainda mais produtivo e focado durante as sessões de trabalho. Esta é uma ótima estratégia para manter a motivação em projetos longos

3- Crie um esboço

Quando você está escrevendo um manual ou um longo relatório, é melhor sugerir um esboço para a base do projeto. Essa mesma estratégia deve ser aplicada a qualquer projeto de longo prazo.

Por exemplo, ao criar um software ou aplicativo móvel, se o seu time estiver trabalhando com alguma metodologia ágil, vocês poderão focar em entregar valor contínuo ao cliente por etapas, de acordo com suas prioridades. E depois ir incrementando e corrigindo ao longo do processo. Ou seja, não precisa terminar tudo, pra depois entregar ao cliente, até porque na produção de software isso é inviável, dada a volatilidade deste tipo de produto. Que precisa de atualização e feedback constante. Esse é apenas um exemplo, mas o plano deve se adequar aos seus objetivos e projetos e ser adaptado aos seus pontos fortes.

Você não precisa necessariamente ser firme ao seguir seu esboço e não há problema em mudar as coisas ao longo desse caminho. Na filosofia ágil mudanças e flexibilidade são até bem vistas, mas você vai querer saber de antemão para que direção está indo. 

4- Defina marcos

Depois de ter seu esboço planejado, escolha marcos ou metas que você pode alcançar ao longo do caminho. Se você estiver se sentindo orgulhoso de si mesmo, ou de toda a sua equipe de projetos, pode até designar mimos ou recompensas para quando esses marcos forem atingidos. 

Inicialmente, pode parecer um pouco bobo, até mesmo juvenil, mas quando você estiver no meio do projeto, perceberá esse incentivo pode ser verdadeiramente benéfico.

Ao se deparar com um projeto de longo prazo é muito mais fácil olhar para todo o trabalho que falta ser concluído e ignorar o trabalho árduo que você já fez. Isso pode ser desanimador e, na pior das hipóteses, pode prejudicar sua produtividade.

Defina seus marcos com antecedência e, mesmo que não se recompense por alcançá-los, reserve um momento para olhar o projeto como um todo e apreciar seu trabalho árduo até aquele ponto.

5- Não se esqueça do propósito

Volte ao início e pense sobre o que o entusiasmou no projeto. Provavelmente a chance de trabalhar em algo significativo? Ou a possibilidade de expandir seu conhecimento e experiência? 

Trabalhar em tarefas cotidianas provavelmente fez você esquecer um pouco sobre seu propósito, então você tem que se lembrar constantemente sobre ele para se manter motivado. 

Se você é um desenvolvedor de software, por exemplo, e trabalha em um aplicativo que vai facilitar a vida das pessoas, enfatize o quão significativo é o seu trabalho. Pense na experiência que você vai ganhar com este projeto e nas oportunidades que ele pode lhe proporcionar.

Então, quando a motivação sumir, tente lembrar o que levou você  até esse momento e quão será recompensador ver o projeto concluído e pessoas usufruindo dos benefícios que ele trouxe. 

6- Aborde a motivação desde o início

Se você tem um projeto de longo prazo pela frente, apenas aceite o fato de que em algum momento você ficará desmotivado e sua produtividade irá diminuir. Não é um pensamento derrotista e não o torna um profissional pessimista, acontece com todos nós. Na verdade, preparar-se para isso antes mesmo de começar um projeto, ajudará mais tarde.

Faça um brainstorming de algumas estratégias ou métodos que você pode usar para se esquivar daquele chip improdutivo antes mesmo de acontecer. Quando você atingir esse ponto, pode estar muito cansado, esgotado ou desmotivado demais para sair dele. Se você já tem um plano, isso fica muito mais fácil.

Você vai se lembrar de outras pessoas que enfrentaram sérias dificuldades ao longo da vida? Você examinará os projetos existentes para encontrar sua motivação? Você fará uma pequena pausa para jogar jogos ou assistir um pouco à TV?

Independente da sua escolha, o importante é definir uma fuga que funcione para você. Todo mundo é diferente e ninguém conhece sua mente e seu corpo como você. Portanto, escolha algumas estratégias que você sabe que funcionarão e tenha-as à mão quando ficar preso em uma rotina.

E lembre-se, projetos longos também terminam!

Quando você está no meio de um grande projeto (ou qualquer outra experiência ou desafio), parece que nunca haverá um fim, mas, vai! 

Mesmo que aparentemente nada dê certo no projeto, você sairá com alguma coisa. Se você vê o trabalho como uma forma de continuar aprendendo, crescendo e se desenvolvendo, a verdade é que a experiência difícil é a melhor que você terá. Então faça valer à pena.

Resista à queda da motivação durante um projeto gigantesco e observe a beleza de seu quadro geral. Por mais interminável que o projeto possa parecer, ele terminará e seguindo as dicas que mencionei ao longo desse conteúdo, você se sentirá satisfeito por ter conseguido concluí-lo sem deixar a peteca cair!

E me conta, de que outras maneiras você se mantém a motivação em projetos longos? Me responda nos comentários, eu adoraria saber sobre os seus métodos!